domingo, 29 de março de 2009

...aah! os tais dos sentimentos;

by Jacqueline Evangelista . domingo, março 29, 2009
As vezes me pergunto o por que dos sentimentos humanos.
Para que serviriam exatamente?
Pelo laco científico da coisa, os sentimentos nos levam a proteção, ao desejo de querer algo ou a conquista de certas coisas. Pois se é dito que, sem os sentimentos, o ser humano não resistiria ao passar dos anos e não estariamos aqui (ou quem sabe) tão "evoluidos" assim.

Sendo assim, vem o lado "psicológico" da situação...
O sentimento nos leva a adotar proporções elevadissimas de mudanças bruscar no nosso cérebro e em nossas reações fisiológicas em todo o organismo.
Vejam por si só o amor... ah!! Esse deveria de ser o sentimento mais proibido do mundo, pois ele nos eleva a estados de espírito em que perdemos totalmente a noção de nossos reais desejos, tudo isso em prol da satisfação do outro ser... ou seja, o ser amado.

Esse sentimento que possui dois lados, sempre surpreende a todos que o tentam entender. Sim, pois seria praticamente impossível entender "o tal" sentimento do amar.
E esse
sentimento é tão confuso, mesmo, que até nos faz pensar algo que nem exista... nos faz imaginar, fantasiar a vida.

Eu mesma, não saberia dizer com certeza lá o que se
era amar, pois até mesmo pouco tempo atrás realmente não poderia afirmar que havia amado alguma vez na vida. Não amado de namoricos, mas amado de verdade, mas agora sinto que posso afirmar esse feito... pois estou de cara com um dos possíveis maiores e complexos dilemas de nossas vidas, o tal do amor.

É, eita sentimentozinho mais problemático!!
E não adianta não, nem tentem se esforçar ao máximo. Pois para este sentimento, o máximo não existe... sempre falta alguma coisa. A felicidade plena só existe quando o ser amado está ao seu lado, quando você consegue olha-lo de perto, senti-lo, e, com isso, desejá-lo mais e mais
(se isso ainda lhe for possível).
Esse sentimento tira de você aquilo que você mesmo nem sabia que tinha, lhe traz algo que você até aquele dado momento não pensaria poder conhecer...
é diferente, é forte, é profundo, é vil, é saboroso, é doloroso, é angustiante, é melodramático... é amor!!

E quando isso acontece, ah queridos... não adianta mais escapar, foi fisgado!
E agora? Apenas deleite-se... e
ame;
torcendo para que o seu
'ser amado' também esteja pensando em ti...

(continua...)

0 comentários!:

 

Mamãe do Sam ♥ © 2013 - Layout do blog by Jackie - em base de Ipietoon